VACINADO CONTRA COVID-19 NA BAHIA.

VACINADO CONTRA COVID-19 NA BAHIA.

SUS_Salva_Vidas

 

A enfermeira Maria Angélica de Carvalho Sobrinho de 53 anos, foi a primeira pessoa a ser vacinada contra a Covi-19 em solo baiano. Por estarem dentro do grupo de risco, os trabalhadores da saúde têm a prioridade de serem imunizados, contra o coronavírus, nesta primeira fase da vacinação no Brasil. A vacinação na Bahia teve início na terça-feira, dia 19 de janeiro.

Só na capital baiana, foram montados 32 pontos de vacinação, sendo 9 drive-thrus. De acordo com um boletim, divulgado pela Sesab, até a primeira quinzena de dezembro de 2020, 10.288 auxiliares e técnicos de enfermagem haviam sido infectados pela Covid-19, na Bahia.

“Nada mais primordial, que os profissionais sejam vacinados logo de início. São os profissionais de Saúde que cuidam do povo. Então, primeiro tem que se proteger quem cuida para evitar uma maior desassistência, já que estamos com uma carência de profissionais. E os que estão na linha de frente, do combate a pandemia, têm que estar imunes para cuidar”, completou Ivanilda Brito, presidente do SindSaúde Bahia.

De acordo com a Dra. Ceuci Nunes, médica infectologista, diretora do Hospital Couto Maia, referência no tratamento da Covid-19, na Bahia, é de fundamental importância a prioridade em imunizar, primeiro os trabalhadores da saúde. “Os trabalhadores da saúde têm 7,7% mais chances de serem contaminados pelo coronavírus, por estarem na linha de frente no combate à doença. Então é importante que eles estejam protegidos pra dar continuidade ao trabalho de combate”, explicou a médica infectologista.

No dia 22 de janeiro, a diretora de comunicação, Dart Clair, foi vacinada na unidade de trabalho na cidade de Camaçari, emocionada e feliz, defende a vacina pelo SUS. “Agora sim! – De maior e vacinada. Eu posso descrever esse momento como uma esperança e força por dias melhores e fortalecer a luta pelo SUS, viva ao SUS, graças a todos nós da saúde, que hoje, salvamos milhares de vidas contra essa doença terrível, chamada Covid19, então essa vacina, pedimos mais respeito e dignidade a todos os profissionais que atual em todos os espaços de saúde pela Bahia, estou muito feliz, mas precisamos ainda nos proteger e seguir a risca as orientações da OMS, a doença ainda não acabou!”, feliz, Dart ainda chamou a atenção, “todos devem se vacina, por isso, defender a vacina pelo SUS é questão de cidadania”.

Aos poucos o mundo vem ganhando uma esperança, mesmo alertando que ainda não há vacina para todos, neste primeiro momento, mais a luta tem que continuar em prol do SUS e a vacina gratuita para todos.

Nesta semana, apesar dos casos de abuso de autoridades e fura fila por parte dos próprios políticos pelo Brasil, mais uma prova que devemos defender o SUS.

#VivaSUS, #30horasjá #SindSaúdeBa #ServidoresPúblicosSaúde #Bahia.

Postar um Comentário