Não ao desmonte do Centro Estadual de Referência em Saúde do Trabalhador (CESAT)

Não ao desmonte do Centro Estadual de Referência em Saúde do Trabalhador (CESAT)

O SindSaúdeBahia repudia o desmonte do Centro Estadual de Referência em Saúde do Trabalhador (CESAT) e se solidariza com os servidores que atuam na defesa da Saúde dos Trabalhadores da Bahia. Muitas lutas foram travadas com a gestão estadual pelos movimentos sociais, universidade, sindicatos e trabalhadores desde 2019, para que o Cesat pudesse permanecer no canela e ter ampliação do seu quadro técnico, para assim poder atuar de forma ampliada nas ações de assistência aos trabalhadores e nas ações de vigilância aos ambientes e processos de trabalhos precarizados.

Entretanto no dia 22/12/21, após a aprovação na ALBA da venda dos terrenos que abrigam os prédios históricos (com mais de 100 anos), onde atuam o Cesat e o Cetad, completa-se o ciclo de desestruturação e de invisibilidade do Cesat pelo governo estadual. A atuação sem diálogo, impositiva e contra os trabalhadores tem sido a retórica dessa gestão que contraditoriamente participou da construção do Cesat e do seu desmonte!

O SindSaúdeBahia, como representante legítimo dos servidores estaduais, está junto com os trabalhadores do Cesat, e vai continuar na defesa da implementação da Política Estadual de Saúde dos Trabalhadores e das Trabalhadoras, assim como vai acompanhar para que o Cesat possa ter um local adequado de funcionamento, sem que haja separação de sua equipe técnica e perda de direitos dos trabalhadores.

Postar um Comentário