Decreto de férias é uma luta SindSaúdeBahia

Decreto de férias é uma luta SindSaúdeBahia

A Secretaria de Saúde da Bahia (SESAB) publicou, nesta quarta-feira, 14/10, o Governo do Estado da Bahia, decreta, através do ARt1ª – Ficam revogados o art 2º do Decreto nº 19.529, de 16 de março de 2020, que suspendia as férias e licença prêmio dos servidores públicos da saúde.

Uma pauta reivindicada pelo SindSaúdeBahia, através de vários ofícios e pedidos publicamente nas reuniões do Conselho Estadual da Saúde, pela presidente Ivanilda Brito. “Essa flexibilização é uma luta continua, são várias as pautas pelos nossos direitos, além das férias tem nossa URV, nosso aumento (6 anos sem reajuste), novos concursos e reforma em todas as unidades de saúde e DIRES, por exemplo, dar qualidade de trabalho vai trazer excelência nos resultados”, pontuou Ivanilda.

No início da pandemia, um decreto determinou que profissionais de saúde da rede pública não tivessem férias e licença prêmio liberados no período, devido à necessidade da força máxima no combate ao coronavírus.

Ainda essa semana, a presidente do SindSaúdebahia, Ivanilda Brito, já estava para enviar um novo ofício a SESAB (o quarto durante a pandemia) e ao governador solicitando a liberação em caráter de urgência.

A flexibilização contribuirá para diminuição dos eventos que acarretam afastamentos por motivos de saúde, como: pânico, estresse e outras doenças; e possibilita às equipes de enfermagem das unidades planejar melhor os próximos períodos de trabalho.

Postar um Comentário